23.8 C
Teresina
sábado, junho 15, 2024
spot_img

Suspeita de comandar execução de adolescentes será transferida para Timon

Date:

spot_img

A suspeita de comandar a execução e a ocultação dos corpos de duas adolescentes em Timon, ocorrido em 21 de março, será transferida para a cidade maranhense, onde prestará depoimento e será transferida para o presidio. A mulher foi presa na última sexta-feira (23), na cidade de gaúcha de Carlos Barbosa, no Rio Grande do Sul.

\"\"
Suspeita de comandar execução de adolescentes será transferida para Timon (Foto: divulgação)

As investigações apontam que a mulher atraiu as duas adolescentes para serem torturadas, e mortas a golpes de foice, facão, pá e pedaços de madeira. As vítimas ainda tiveram que cavar a própria cova onde foram enterradas.

Ainda de acordo com a polícia, as mortes das jovens estão relacionadas com a “guerra” de facções criminosas. As vítimas, apesar de não serem faccionadas, se relacionavam com integrantes de outras facções.

“A morte das vítimas foi comandada por uma mulher pertencente a uma facção criminosa, que tinha a função de disciplinar o quadro feminino da organização criminosa”, diz a polícia.

Fuga

A polícia encontrou os corpos das adolescentes em um terreno por trás da casa da suspeita. Durante as investigações também foram encontradas as roupas das vítimas na casa que a mulher morava.

A mulher iniciou a fuga pela cidade de Belém do Pará, onde passou alguns dias, mas logo em seguida foi para a cidade de Carlos Barbosa, no Rio Grande do Sul.

“Em ação mútua com o Departamento de Combate ao Crime Tecnológico (DCCT-SEIC) , os indícios apontavam que a investigada estaria na cidade de Belém, no Pará, para onde uma equipe da Delegacia de Homicídios de Timon e outra do DCCT/SEIC se deslocaram. Em conjunto com a Divisão de Homicídios daquela cidade, foi localizado pessoas que conviveram com a investigada. Ficou esclarecido que a investigada passou alguns dias na capital paraense, mas que já tinha ido embora para a cidade de Carlos Barbosa, no Rio Grande do Sul”, explica a polícia.

A prisão foi resultado de uma força-tarefa entre policiais civis do Maranhão, Pará e Rio Grande.

Entenda o caso

Duas adolescentes foram encontradas mortas enterradas em uma cova dentro de um matagal no bairro Parque Aliança, em Timon. Conforme a Polícia Militar, as vítimas moravam em Teresina. O crime aconteceu no dia 21 de março de 2021. Na época, fotos das jovens fazendo símbolos com as mãos, em referência a grupos criminosos, foram compartilhadas em grupos de WhatsApp.

spot_img

Mais Notícias