29.8 C
Teresina
segunda-feira, junho 17, 2024
spot_img

Ferreira lidera jovens do Grêmio na Libertadores e acirra disputa no ataque titular

Date:

spot_img

Expoente do Grêmio na vitória por 2 a 1 contra o Ayacucho, no Equador, na última terça-feira, Ferreira liderou os jovens do Tricolor na classificação à próxima fase da Libertadores. O atacante marcou pela terceira vez em quatro jogos e acirrou a disputa por uma vaga no ataque titular.

\"\"
Ferreira liderou o Grêmio em classificação à próxima fase da Libertadores — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Na delegação de 20 jogadores que foi a Quito, a maioria dos garotos precisava mostrar que tinha condições de compor o grupo do Grêmio. Ferreira, ao contrário, já mostrou a que veio nos últimos meses. O objetivo do atacante era mais amplo: provar que pode superar Pepê ou Alisson na equipe de Renato Portaluppi.

A amostra mais recente garante que há, ao menos, condições iguais de disputa. Nos últimos quatro jogos em que atuou, Ferreira tem três gols. A última bola na rede, contra o Ayacucho, somada a sua atuação, lhe rendeu o prêmio de melhor em campo pela Conmebol.

— Muito feliz por ter sido escolhido o melhor jogador da partida. A gente fez o dever de casa. Viemos aqui e conseguimos um belo resultado. Fico feliz pela classificação — disse Ferreira após a partida no Equador.

A fase goleadora de Ferreira iniciou na goleada por 4 a 1 contra o Brasil de Pelotas. Naquela noite o atacante encheu os torcedores de esperança em vê-lo como titular na final da Copa do Brasil, frente ao Palmeiras.

No primeiro tempo, marcou um golaço que lembrou o do holandês Van Persie na Copa do Mundo de 2014, ao cabecear e encobrir o goleiro após lançamento de Pinares. No segundo, foi expulso ao acertar o rosto do adversário.

Mesmo diante dos reiterados pedidos da torcida, Ferreira começou a decisão da Copa do Brasil no banco de reservas. Entrou no lugar de Pepê aos 14 minutos do segundo tempo. Porém, esteve longe de reverter a derrota e a perda do título para o Palmeiras.

Veio então o primeiro duelo da segunda fase da Libertadores, diante do Ayacucho, na Arena. Com Pepê fora por dores musculares, coube a Ferreira assumir o lado esquerdo do ataque. Ainda no primeiro tempo, driblou o goleiro e marcou o segundo gol da vitória por 6 a 1.

Fonte: GE

spot_img

Mais Notícias