30.8 C
Teresina
segunda-feira, junho 24, 2024
spot_img

Com 100%, 15 gols pró e 13 de saldo, Atlético-MG tem começo de Mineiro mais positivo do século

Date:

spot_img

São cinco jogos e cinco vitórias. Foram 15 gols marcados e apenas dois sofridos. Liderança isolada e artilharia parcial (Marrony, com três gols). O Atlético-MG sobra neste início de Campeonato Mineiro 2021. Os números de ataque chamam atenção. Sozinho, o Galo tem mais gols que os outros três times do G-4 somados (América-MG, Athletic e Caldense). Considerando o recorte das cinco primeiras rodadas, este é o início de Estadual mais positivo do Alvinegro neste século XXI.

\"\"
Jogadores do Atlético-MG comemoram gol marcado sobre o Coimbra — Foto: Pedro Souza/Atlético-MG

O ge levantou o desempenho do Galo nas cinco primeiras rodadas de cada edição do Mineiro, desde 2001. Apenas três vezes o time somou 15 pontos em 15 possíveis: 2012, 2017 e 2021. Comparando as três temporadas, a atual leva vantagem em gols marcados e saldo.

Em 2012, o time de Cuca (que acabou campeão) balançou as redes adversárias 12 vezes nos primeiros cinco jogos (média de 2,4 gols por jogo). Em 2017, a equipe de Roger Machado (que também levou a taça) fez 14 gols nas cinco primeiras partidas (média de 2,8).

O número de 15 gols nos cinco primeiros jogos (média de 3 por jogo) não é inédito. Aconteceu também em 2005 e 2011. Nas duas ocasiões, porém, o time teve uma derrota nesse recorte.

Outro recorde à vista?
Se nas cinco primeiras partidas o rendimento de 2021 já é imbatível, a atual equipe alvinegra pode bater outro recorde caso dobre a sequência de vitórias no atual Estadual. Por duas vezes, justamente em 2012 e 2017, o Galo venceu nas nove primeiras rodadas. Em 2012, deixou de somar três pontos pela primeira vez na 10ª rodada, empatando por 2 a 2 com o Cruzeiro. Em 2017, a sequência também parou na 10ª rodada e no clássico, mas com derrota por 2 a 1.

Nas próximas cinco rodadas do Mineiro 2021 (que volta em 1º de abril), o Galo tem Caldense (fora), América-MG (em casa), Pouso Alegre (em casa), Cruzeiro (\”fora\”, já que o jogo está marcado para o Mineirão que, sem torcida, é campo neutro no clássico) e Boa Esporte (casa). Essa é a sequência que o time de Cuca precisa superar (vencendo todos os jogos) para bater a marca de 30 pontos em 30 possíveis no Estadual, o que seria inédito no século.

Fonte: GE

spot_img

Mais Notícias